Notícias

16/06/2009 - Cadastramento biométrico começou nesta segunda-feira

Começou nesta segunda-feira (15) o recadastramento biométrico de eleitores em Armação dos Búzios, primeiro município do Estado do Rio de Janeiro que contará com o sistema biométrico de identificação, já com vistas às próximas eleições. Esta é uma prévia do processo de cadastramento biométrico aprovado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e que prevê a inclusão de quatro milhões de eleitores no novo sistema.

A biometria, aplicada à votação, permite que os eleitores sejam identificados por suas impressões digitais e, consequentemente, diminui os riscos de fraude na hora do voto. Ele foi utilizado pela primeira vez nas eleições de 2008 como projeto piloto em três municípios: São João Batista (SC), Colorado do Oeste (RO) e Fátima do Sul (MS).

No pleito de 2010, todos os eleitores cadastrados nesse sistema terão a urna liberada para votação por meio da impressão digital.

Búzios

Até o dia 14 de julho, 20.124 eleitores do município fluminense deverão atender à convocação da Justiça Eleitoral para a revisão de dados cadastrais, além de coleta de impressões digitais e de fotografia. O cadastramento em Búzios será feito em tenda montada pelo TRE-RJ na Estrada da Usina, esquina da Rua Dois, em frente ao Fórum de Búzios. Também deve comparecer ao local quem for tirar o título pela primeira vez e os eleitores que residem em Búzios, mas continuam votando em outros municípios. Neste último caso, estarão transferindo o domicílio eleitoral no ato do cadastramento biométrico. Os eleitores deverão comparecer com o título antigo, um documento de identidade com foto, comprovante de residência recente e o CPF, caso possuam.

Quem não fizer o cadastramento no período de 15 de junho a 14 de julho terá o título de eleitor cancelado, não podendo votar nas próximas eleições, tirar passaporte, prestar concurso público e conseguir empréstimo em bancos oficiais, entre outros impedimentos.

Durante todo o período de cadastramento em Búzios, os eleitores poderão também visitar a exposição “História do voto no Brasil República”, montada pelo Centro Cultural da Justiça Eleitoral (CCJE) no interior da tenda.

FONTE: Assessoria de Comunicação Social do TRE-RJ